Posted by: licedoa | December 9, 2010

O Garoto de Liverpool

John Lennon era mimado e imprevisível, mas o filme é fantástico!

Título Original: Nowhere Boy

Lançamento: 2010 (Reino Unido)

Direção: Sam Taylor-Wood

Atores: Aaron Johnson, Kristin Scott Thomas, Anne-Marie Duff

Duração: 98 min

Gênero: Biografia

Eu não conheço a história dos Beatles. Nem da banda, nem dos integrantes. Mesmo assim gosto dos Beatles. Mas Nowhere Boy – título original que deveria ter sido mantido na versão brasileira – mostrou um John Lennon que eu nem imaginava que poderia existir. Antes eu imaginava que John Lennon era o típico garoto inglês que estudou em uma escola conceituada e era todo certinho. Mas depois de Nowhere Boy vi que John Lennon era mimado e totalmente levado, com um humor inconstante e explosivo.  Agora eu entendo a razão para a foto totalmente sem nexo dele com a Yoko Ono.

Outra coisa que me surpreendeu, e dessa vez é até bom, é que John Lennon nunca foi bonito. E Aaron Johnson é MUITO bonito mesmo! Em contrapartida Paul McCartney que costumava ser muito bonito e no filme digamos que Thomas Brodie-Sangster não retratou o personagem tão bem nesse aspecto.

Todos os integrantes da banda pareciam ser muito mais novos do que John, fazendo-o parecer o pai de todos eles.

Além da beleza, Aaron é o máximo interpretando Lennon por todas as suas fases: bebendo com o tio, dando em cima das garotas na escola e gritando com a mãe, interpretada pela atriz Kristin Scott Thomas.

A história toda tem uma grande reviravolta quando ele descobre que sua verdadeira mãe é Julia e assim, decide ser um músico, como Elvis Presley. Dali em diante, nota-se como ele sempre quer ser o centro das atenções para tudo e para todos. Por ser o vocalista, ele fica com ciúmes por Paul saber tocar e compor, enquanto ele mal sabe tocar e se mostra totalmente egoísta por se referir à banda como “minha banda”.

Com a morte de Julia, interpretada por Anne-Marie Duff, ele faz de novo o que sempre foi bom em fazer: grita com todos como se fosse culpa deles e ainda bate em alguns integrantes da banda para aliviar a pressão.

Nowhere Boy mostrou um John Lennon imbecil e que se encaixaria perfeitamente na palavra douchbag, mas ainda assim é um ótimo filme retratando os altos e baixos de uma celebridade imortalizada.

E vocês? Viram o filme? O que acharam?

Conteúdo exclusivo em @alicedoa3.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Categories

%d bloggers like this: